blog shbarcelona català   blog shbarcelona français   blog shbarcelona castellano   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona   blog shbarcelona   blog shbarcelona
Descobrir

Distritos de Barcelona: Sant Andreu

Rodrigo
Escrito por Rodrigo

Cada um dos dez distritos de Barcelona tem o seu encanto, as suas particularidades e a sua história. Neste artigo, faremos um breve passeio pelo nono distrito de Barcelona, Sant Andreu. Ele é formado por sete bairros: Navas, La Sagrera, Sant Andreu de Palomar, El Bon Pastor, Baró de Viver, El Congrés i Els Indians, e La Trinitat Vella. Você conhecerá alguns de seus pontos turísticos e um pouco de sua vida cultural. Caso tenha outras informações sobre algum dos bairros do distrito de Sant Andreu, envie-nos um comentário.

Artigo relacionado: Distritos de Barcelona: Horta-Guinardó

Um núcleo com mais de mil anos de história

A Església de Sant Andreu de Palomar é uma das chaves para compreendermos a história de Sant Andreu e da Catalunha

Foto por Ferran Porta. on Visual Hunt

O bairro de Sant Andreu de Palomar é o mais antigo do distrito. O primeiro registro escrito oficial referente ao local data do ano de 992. A existência de casas rurais antigas, as masies, retratam o tipo de passado que caracterizou o bairro, ligado à agricultura. Pouco a pouco, com sua anexação a Barcelona, em abril de 1897, foi modernizando-se com a chegada de algumas empresas. Entretanto, Sant Andreu de Palomar nunca perdeu sua essência. É justamente neste bairro que encontramos a Plaça d’Orfila, um cenário histórico.

Plaça d’Orfila

Até o ano de 1907, a Plaça d’Orfila tinha outro nome: Plaça de La Constitució. O nome atual homenageou o médico Mateu Josep Orfila i Rotger, que foi o autor da mais importante obra de Toxicologia à época, o Traité donis poisons (Tratado dos Venenos). Nesta praça, está localizada a Església de Sant Andreu de Palomar, um recinto religioso construído no lugar de um templo gótico do século X, e que testemunhou o início de uma das piores guerras acontecidas na Catalunha, a Guerra dels Segadors, no século XVII.

La Fabra i Coats

O passado agrícola de Sant Andreu deu lugar aos primeiros passos da produção têxtil. Em 1837, foi fundada a El Vapor de Fil, mais tarde conhecida como La Fabra i Coats. Essa indústria significou uma revolução para Sant Andreu e a Catalunha, já que um acordo feito em 1903 com uma empresa têxtil da Escócia permitiu que, pela primeira vez na história catalã, houvesse um investimento estrangeiro na indústria da Catalunha. Atualmente, a La Fabra i Coats funciona como um centro cultural.

Artigo relacionado: Distritos de Barcelona: Sarrià-Sant Gervasi

Outros símbolos de Sant Andreu

A Pont Bac de Roda liga os distritos de Sant Andreu e Sant Martí

Foto por Catalan Art & Architecture Gallery (Josep Bracons) on Visual Hunt

Não há como falar de Sant Andreu sem mencionar a Pont Bac de Roda, uma das construções do premiado arquiteto valenciano Santiago Calatrava. Erguida entre os anos de 1985 e 1987, essa ponte liga o distrito de Sant Andreu ao de Sant Martí. A Pont Bac de Roda tem um significado especial, pois sua construção coincidiu com a época – 1986 – em que Barcelona foi selecionada para ser a sede dos Jogos Olímpicos de 1992.

Além da ponte Bac de Roda, da Fabra i Coats, e da igreja de Sant Andreu de Palomar, vale a pena conferir o que de mais interessante existe no distrito de Sant Andreu:

Nau Ivanow

Situada no bairro de La Sagrera, o Nau Ivanow é um centro cultural onde são realizadas apresentações de artes cênicas. Contudo, nem sempre teve essa função. Sua história começou em 1959, como uma fábrica de tintas. Em 1997, o edifício foi adquirido pelo fotógrafo e arquiteto Xavier Basiana, que o transformou em centro de produção cultural.

Parc de La Pegaso

Este é o pulmão verde do bairro de La Segrera. O presente do Parc de La Pegaso nada tem a ver com seu passado, quando até 1970, funcionava como uma fábrica de produção de caminhões. Hoje, os moradores do bairro podem passar bons momentos em companhia de diversos tipos de plantas, lago, e uma grande zona a céu aberto, ideal para um passeio tranquilo e para a correria das crianças.

Casa Bloc

Localizada no bairro de Sant Andreu de Palomar, a Casa Bloc é um grande conjunto habitacional erguido entre 1932 e 1936. Tinha por finalidade abrigar os trabalhadores de Sant Andreu, que viviam em condições precárias. A construção da Casa Bloc representou maior qualidade de vida para a classe trabalhadora mais humilde, além de uma grande inovação na arquitetura, marcada pela sua alta funcionalidade. Atualmente, um dos andares da Casa Bloc foi transformado em um museu, reformado e administrado pelo Museu del Disseny de Barcelona. O objetivo do museu é mostrar um pouco da vida dos trabalhadores de Sant Andreu na década de 30.

Está à procura de um lugar em Barcelona para morar? Conte com a ajuda do ShBarcelona!

Foto principal por Javier Cuchí Burgos on Visual Hunt

Distritos de Barcelona: Sant Andreu
5 (100%) 1 vote

Sobre o autor

Rodrigo

Rodrigo

Além de escrever e traduzir, Rodrigo ensina três idiomas: inglês, catalão e espanhol.

Deixe um comentário