blog shbarcelona català   blog shbarcelona español   blog shbarcelona français   blog shbarcelona english   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona
Business

Uma das poucas cidades no mundo com serviço de bikes elétricas

Escrito por Clarissa

O compartilhamento de bicicletas, como o Bike Sampa ou o Bike Rio, já é uma alternativa de transporte público no mundo inteiro, com mais de mil cidades que contam com o sistema. Mas é muito raro um serviço público que permita fazer turismo pedalando uma bicicleta elétrica e, portanto, com menos esforço, cansaço e suor. Apenas três cidades no mundo têm sistemas de compartilhamento de bicicletas elétricas. Além de Madri e Copenhague, Barcelona é uma delas. Também há alguns sistemas semelhantes nos EUA, porém restritos a campus universitários.

A Espanha é líder mundial em compartilhamento de bikes, contanto com 132 sistemas em diferentes cidades, seguida da Itália (que tem um pouco mais de 100 sistemas) e da França (um pouco menos de 40). Agora, a Espanha também é uma das pioneiras mundiais em sistemas de compartilhamento de bicicletas elétricas.

O primeiro foi em Madri, chamado BiciMAD, que conta com mais de 2 mil bicicletas elétricas e 165 estações. Em Barcelona, o sistema público compartilhamento de bikes tanto normais como elétricas é o Bicing, considerado um dos melhores do mundo. O Bicing tem quase 100 mil usuários, 6 mil bicicletas normais e 420 estações pela cidade. O Bicing Electrico conta com 300 bikes elétricas e 45 estações (clique aqui para ver o mapa das estações na página oficial do Bicing).

A oferta de bicicletas elétricas tem como objetivo servir como alternativa para trajetos mais longos e subidas. No geral, Barcelona tem uma geografia bastante plana, mas há determinadas áreas onde um empurrãozinho de um motor ajuda. São pontos turísticos como, por exemplo, o Tibidado, cujo altura máxima é de 512 metros, ou o Montjuic, que está a 173 metros do nível do mar.

Mesmo com um motor elétrico é necessário pedalar, mas o motor faz com que a bicicleta ande mais rápido, exigindo menos esforço do usuário, particularmente em subidas e ladeiras. As bikes elétricas de Barcelona são feitas de materiais leves, como o alumínio, e pesam 23kg. Elas podem chegar a fazer 20km/h.

BicingO detalhe é o preço: mais de R$ 250. Enquanto o BiciMAD de Madri está estudando uma tarifa para turistas, o Bicing de Barcelona está pensado para os residentes e oferece apenas uma taxa anual. Para poder usar o Bicing Elétrico é preciso primeiro ser sócio do Bicing normal por EUR 47,16 anuais e pagar também outros EUR 14,00 pelo direito ao uso das bicicletas elétricas, totalizando mais de EUR 60,00. E ainda tem o custo por tempo de viagem. Os primeiros 30 minutos são gratuitos e depois cada meia hora custa EUR 0,74.

Se você quiser passear por Barcelona em uma bicicleta elétrica (ou normal), visite a página do Bicing aqui.

Avalie este post

Sobre o autor

Clarissa

Clarissa é uma escritora e blogueira apaixonada pela cidade de Barcelona.

Deixe um comentário