blog shbarcelona català   blog shbarcelona español   blog shbarcelona français   blog shbarcelona english   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona
Compre um apartamento em Barcelona

Quanto você deve economizar para comprar um apartamento em Barcelona em 2020?

Casal segurando a caixa de mudança
Marcel
Escrito por Marcel
Avalie este post

Esta é a grande pergunta que toda pessoa deve responder: quanto devo economizar para comprar um apartamento em Barcelona em 2020? A compra de um imóvel é, certamente, o maior investimento que uma pessoa fará na sua vida e é por isso que precisa ter muito claro o quanto deve investir na entrada da hipoteca.

Neste artigo vamos repassar as porcentagens a serem pagas pela compra de um imóvel e também os gastos originados por este tipo de compra. No entanto, se você tem pressa para saber o quanto deve economizar, clique neste link.

É rentável comprar uma casa em 2020 pós COVID-19?

Neste artigo sobre o preço estimado dos imóveis em 2020, nós já comentávamos que se esperava uma queda dos preços. E mais, segundo os dados do INE de julho deste ano, a variação anual é a mais baixa desde 2015, chegando até 3,2%.

  • comprar apartamentos em barcelona

Por este motivo, já recomendamos que é um bom momento para estar atento ao mercado e procurar oportunidades. Sobretudo se você é de um perfil que procura ativamente um apartamento habitual  ou se tem um perfil de investidor com intenção de comprar para alugar.

Por sua vez, devido à crise econômica provocada pela pandemia do Coronavírus, a demanda por aluguel crescerá. O que isto quer dizer? Que a demanda de comprar por imóveis habituais baixará.

 

Mesa com calculadora, chaves e cofrinho

Foto via Freepik

Ver imóveis em venda em Barcelona

Quanto tenho que economizar para pagar a entrada do piso?

Embora existam algumas hipotecas que oferecem 100% de empréstimo, a norma geral é que as entidades emprestem 80% total da hipoteca. Desta forma, como mínimo, você deve ter poupado 20% para a entrada do imóvel.

No entanto, ao começar o pagamento de uma casa, você não deve só pagar o empréstimo imobiliário como também os gastos associados à compra de um imóvel. Assim que não cante vitória ainda, estes gastos costumam chear até 15% do preço do espaçpo.

Se você quer saber quanto deve economizar para comprar um imóvel, a resposta final é 35% do preço do imóvel.

📌 Vale ressaltar que este 35% é uma recomendação e a porcentagem final varia em função de que seja um imóvel novo ou de segunda mão e, sobretudo, do preço final do imóvel.
 
Calculadora simulando uma balança artesanal

Foto via Freepik

Impostos e gastos derivados de uma compra-venda imobiliária

Para chegar a ser dono/a de um imóvel se deve abonar este 12-15% extra do valor do mesmo. Avaliação fiscal e gastos são adicionados que o novo proprietário/a deve fazer frente de maneira obligatória para poder assinar o contrato e ir à sua nova casa com as chaves na mão.

Aviso aos navegantes, alguns gastos variam de acordo com a comunidade autônoma em que se compre o imóvel, mas neste artigo do ShBarcelona, apenas comentaremos os relacionados à Catalunha.

Impostos derivados da compra de um imóvel

O pagamento dos impostos derivados da compra de um apartamento é um elemento muito importante no preço da fatura. Cuidado, há diferenças nos tipos de impostos se a compra trata-se de um imóvel novo ou de segunda mão.

Impostos pela compra de um imóvel novo

  • IVA de 10% do valor do imóvel
  • AJD (Imposto de Atos Jurídicos Documentados) que na Catalunha está estipulado em 1,5% dentro da Declaração de obra nova.

Impostos pela compra de um imóvel usado

  • ITP (Imposto de Transmissão Patrimonial) que na Catalunha é de 10% do valor.

A não ser que o valor real do imóvel não supere 1.000.000€, recomendamos ler com atenção a página dedicada ao tema na Agència Tributària de Catalunya.

Gastos associados à compra-venda de um imóvel

Quem paga os gastos relacionados com a compra-venda? Aqui houve uma mudança importante depois da aprovação da nova lei hipotecária de 2019. Esta norma diz que o comprador só deve pagar a taxa e as cópias de escritura que deseja.

Portanto, o banco deve assumir os gastos de cartório, agência e registro, um certo respiro na poupação para a compra do apartamento.

Avaliação do imóvel

O primeiro gasto que um novo comprador/a deve enfrentar com a sua poupança para comprar um imóvel é a avaliação do imóvel.

Este é um processo onde uma empresa independente de avaliação atribui um valor à propriedade e, portanto, o banco designa o valor do financiamento concedio para a pessoa que quer adquirir o imóvel.

A avaliação tem em conta vários elementos de um imóvel, como o estado do edifício, o equipamento ou a localização e metros quadrados do imóvel. O valor da avaliação depende de cada caso, mas em geral costuma ser entre 200 a 600 euros.

Casal abrindo as caixas de mudança em seu novo apartamento

Foto via Pixels

Comissão de abertura

É uma comissão que o banco aplica diretamente no valor do dinheiro emprestado. Ele pode chgar até 2% do preço final do imóvel.

Notário

Estes gastos provêm do emprego de um notário para a escritura do empréstimo imobiliário. Como já dissemos, este gasto deve ser assumido pelo banco após a aprovação da nova lei.

O registro da propriedade

Uma vez que o notário tenha validado a escritura com a sua assinatura, você deve entregar este documento nos registros públicos de propriedade. Esta ação de estar nos registros oficiais tem um custo, mas também deve ser assumido pelas entidades bancárias desde junho de 2019.

Os gastos de agência

O banco costuma delegar à uns gestores profissionais a tramitação do registro da propriedade. Depois da aprovação da lei, este gasto tampouco pode ser de responsabilidade do comprador.

Casal fazendo as contas de quanto devem economizar

Foto via Freepik

Entrada de imóveis + impostos + gastos

Portanto, se você está pensando em comprar um imóvel e tem dúvidas sobre quando precisa ter poupado para comprar um apartamento ou quanto deve pagar para a entrada da hipoteca, tenha claro que o mais recomendável é contar com uma reserva de 35% do preço do imóvel.

Como última recomendação, sempre permita ser aconselhado pelos especialistas. No ShBarcelona, nós contamos com um grupo de profissionais que acompanham, em todo o momento, o processo de compra e venda.

Se você quer contatar a nossa equipe, por favor, entra na seção de compra de imóveis em Barcelona. Se você é proprietário e deseja obter a melhor rentabilidade do seu imóvel, contate aqui.

Está pensando em comprar? Entre em ShBarcelona

Te pareceu interessante? Tem alguma dúvida sobre impostos ou gastos? Por favor, deixe o seu comentário abaixo.

Sobre o autor

Marcel

Marcel

Deixe um comentário