blog shbarcelona català   blog shbarcelona español   blog shbarcelona français   blog shbarcelona english   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona   blog shbarcelona
Visite

Parc Güell, marco de referência de Barcelona

Imagem do Parc Güell pela manhã
Rodrigo
Escrito por Rodrigo

Apaixonar-se por uma cidade como Barcelona é muito fácil. A capital da Catalunha é um mundo aberto a todas as pessoas do mundo e às grandes empresas estrangeiras. Elas escolhem Barcelona porque aqui, nesta metrópole, há prosperidade, história e beleza.

Por isso, ShBarcelona conta, neste artigo, sobre o Parc Güell, marco de referência de Barcelona de visita obrigatória, especialmente para quem estiver curtindo um tempo em alguma das hospedagens turísticas da cidade.

Artigo relacionado: O que Barcelona tem de especial?

Imagem aérea do Parc Güell

Foto por Visual Hunt

Fruto do espírito inovador do arquiteto Antoni Gaudí, o Parc Güell, no bairro de La Salut, é um reflexo de uma Barcelona em expansão, cosmopolita e imersa no movimento modernista entre os séculos XIX e XX.

Este parque, cujo nome homenageia o empresário Eusebi Güell, fanático pelas obras de Gaudí, é um amplo jardim com elementos que caracterizam uma singular visão arquitetônica.

As obras de construção do parque começaram em 1900, durando até 1914. Doze anos mais tarde, foi inaugurado como parque municipal. Em 1984, o Parc Güell foi reconhecido pela UNESCO como patrimônio cultural da humanidade.

A Casa Museu Gaudí

Um dos símbolos do Parc Güell é a Casa Museu Gaudí, residência do arquiteto entre os anos 1906 e 1925. Esta obra também funcionava como uma amostra do projeto de urbanização do Parc Güell. No dia 28 de setembro de 1963, a que fora residência de Gaudí foi inaugurada, de forma pública, como Casa Museu Gaudí.

O preço geral da entrada individual é de 5,50 €. Para crianças de até 11 anos de idade e para os deficientes físicos, a entrada é franca.

A Plaça de la Natura

A Plaça de la Natura é outra das grandes referências do Parc Güell. Originalmente, esta praça era conhecida como Teatre Grec (Teatro Grego). A função primária deste espaço era receber grandes espetáculos ao ar livre, que podiam ser vistos desde qualquer parte do grande banco do terraço que circunda a praça.

Além da fantástica vista da natureza ao redor, os visitantes podem passar um maravilhoso tempo neste banco, cuja forma e constituição lembram uma colorida serpente.

Artigo relacionado: As sete maravilhas de Barcelona

Preparando sua visita

Imagem da Plaça de la Natura, no Parc Güell

Foto por Visual Hunt

A fim de que você e sua família/ grupo de amigos possam tirar o máximo de proveito de sua visita ao Parc Güell e seus recintos turísticos, confira, a seguir, algumas informações sobre horários, preços e algumas vantagens:

  1. o Parc Güell possui um restaurante, banheiros públicos e um estacionamento para 25 lugares;
  2. pessoas com mobilidade reduzida podem entrar em contato com o Serviço de Atenção ao Visitante, pelo e-mail parkguell@bsmsa.cat. O estacionamento conta com 3 vagas para deficientes físicos;
  3. na Zona Monumental, onde está, por exemplo, a Plaça de la Natura, o acesso à conexão Wi-fi é livre;
  4. além das obras arquitetônicas, o público pode visitar a Botiga Laie, loja e livraria cujos principais temas são Gaudí, modernismo e Barcelona. Para mais informações, acesse este site;
  5. o horário de visitas à Zona Monumental do Parc Güell é de 08h30 às 18h15 (outono – inverno) e de 08 h às 21h30 (primavera – verão);
  6. para marcar sua visita e comprar os ingressos, acesse este endereço;
  7. o preço geral de um ingresso custa 10 €;
  8. o site do Parc Güell possui uma lista de perguntas mais feitas pelo público. Clique neste endereço para obter informações sobre os demais preços e outros dados complementares, igualmente úteis.

Deixe-se levar pela fantasia e inspiração modernista de Gaudí. Uma visita ao Parc Güell é o complemento perfeito e necessário para turistas e moradores de Barcelona, uma das melhores cidades do mundo.

Já visitou o Parc Güell? Como foi a experiência?

Avalie este post

Sobre o autor

Rodrigo

Rodrigo

Tradutor, professor de idiomas e redator do portal de notícias Aqui Catalunha, o primeiro em língua portuguesa exclusivamente dedicado à Catalunha.

Deixe um comentário