blog shbarcelona català   blog shbarcelona español   blog shbarcelona français   blog shbarcelona english   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona
Os conselhos dos nossos colaboradores

Por que ter um seguro residencial?

Rodrigo
Escrito por Rodrigo

Todos gostaríamos de ter a certeza de que nada de ruim nos acontecerá, mas isso é impossível, pois a vida é cheia de azares. Devemos conviver com a incômoda companhia da incerteza, com o fato de que nem tudo depende da nossa vontade, e para muitas pessoas, lidar com isso é bastante difícil. Por isso, é importante que estejamos preparados para tudo, e contratar um seguro residencial, por exemplo, é a melhor forma de deixarmos nosso patrimônio mais protegido. Neste artigo, ShBarcelona explica a importância de termos um seguro residencial.

Artigo relacionado: O que fazer em caso de sinistro?

Sua casa, seu tesouro

Foto por Visual Hunt

Nosso lar é o nosso refúgio, o lugar onde guardamos nossos objetos de valor, seja econômico e/ ou sentimental. É necessário, portanto, contar com um seguro que proteja tudo isso, e que cubra os custos derivados de sinistros que provoquem sérios danos à residência, como incêndios, inundações, catástrofes naturais e roubos. São eventos de que não estamos totalmente livres e, consequentemente, merecem muita atenção. Existem vários tipos de apólice, e cada uma delas estará de acordo com as especifidades de cada moradia.

Tipos de apólice e suas coberturas

A apólice principal dá cobertura às paredes, tetos, instalações e piso da residência. É uma cobertura básica para um imóvel que não esteja ligado à nenhuma vizinhança. Caso o imóvel esteja associado a uma comunidade, essa cobertura se torna relevante se o seguro existente na região for limitado, ou apenas cubra áreas de acesso comum. É possível, também, contratar um seguro que dê cobertura aos bens do interior da residência, como eletrodomésticos, aparelhos eletrônicos – computador, televisão -, móveis e pertences pessoais. Por outro lado, caso você seja um inquilino e não tenha objetos de valor na moradia alugada, pode optar por não ter esse seguro. É importante lembrar que o seguro básico residencial fica, em princípio, sob responsabilidade do proprietário do imóvel alugado, não isentando, porém, o inquilino de outras responsabilidades.

Artigo relacionado: Tabeliães em Barcelona

Foto por Visual Hunt

O seguro de responsabilidade civil, ainda que não seja obrigatório na contratação da cobertura básica, pode ser bastante importante nos casos de incidentes causados por graves descuidos, como largar um cigarro aceso. Esse descuido pode gerar um incêndio e, consequentemente, as indenizações pelos danos causados a terceiros podem ser muito altas para o responsável pelo sinistro. Portanto, ter um seguro residencial permite que nos sintamos mais seguros em relação aos imprevistos que possam afetar nossa moradia. Caso tenha dúvidas sobre o tema, entre em contato com o departamento de seguros de ShBarcelona.

Qual é a sua opinião sobre os seguros residenciais? O que nos aconselha a respeito?

Avalie este post

Sobre o autor

Rodrigo

Rodrigo

Tradutor, professor de idiomas e redator do portal de notícias Aqui Catalunha, o primeiro em língua portuguesa exclusivamente dedicado à Catalunha.

Deixe um comentário