blog shbarcelona català   blog shbarcelona español   blog shbarcelona français   blog shbarcelona english   blog shbarcelona russian   blog shbarcelona   blog shbarcelona   blog shbarcelona
O que é preciso saber

Instalar ar-condicionado em casa

Rodrigo
Escrito por Rodrigo

O verão é uma época associada à diversão, ao sol e ao calor. Ultimamente, porém, tem sido cada vez mais complicado lidar com as recorrentes e intensas ondas de calor. Muitas pessoas sofrem demais com as altas temperaturas, principalmente as crianças e os idosos, que por serem mais vulneráveis, podem falecer por causa da insolação. Por isso, vale a pena instalar um ar-condicionado em casa para impedir a subida excessiva da temperatura, e assim, evitar as possíveis consequências. Neste artigo, ShBarcelona apresenta alguns conselhos sobre a instalação do aparelho em sua casa.

Artigo relacionado: Por que ter um seguro residencial?

Interiores mais confortáveis quando o calor aperta

Foto por Pixabay

Caso você finalmente tenha decidido instalar um ar-condicionado em casa, poderá fazê-lo de duas formas: contratando um instalador ou fazendo a instalação por conta própria. Evidentemente, a mão de obra custa caro, e embora a instalação sem uma assistência profissional não seja muito complicada, é bastante desejável que se tenha alguns conhecimentos fundamentais. É importante levar em consideração uma série de detalhes caso você realmente decida instalar o ar-condicionado por sua conta. Primeiramente, deve saber exatamente quais serão os lugares que serão refrigerados em sua casa. Sabendo que o valor da conta de luz ficará maior a cada split que for instalado, deixá-los na potência mínima será a opção mais adequada. Além disso, não é recomendável que o ar gelado fique concentrado em uma área onde estamos constantemente, exceto se essa área for quente demais, e não haja elementos que impeçam a subida ainda maior da temperatura no verão (ações como baixar as persianas ou utilizar toldos evitam que o ambiente se transforme em um forno). Outro detalhe importante é que não deve haver uma distância tão grande entre a unidade externa e a interna, já que isso diminuirá a eficiência do split.

Foto por Pixabay

A unidade externa é a que joga o ar quente para o exterior e, portanto, é importante saber onde deve ser colocada, a fim de que os vizinhos não sejam incomodados. Para que as unidades se conectem, é preciso fazer um buraco; por isso, faz-se necessário consultar as regras da comunidade local, já que a instalação afetará a fachada. As unidades internas sempre estarão na parte alta da parede, pois o ar frio tende a baixar, e dessa forma, o espaço é refrigerado de forma mais eficiente. Por último, os filtros do ar-condicionado devem ser revisados anualmente, a fim de que se evite a proliferação de bactérias nocivas à saúde.

Artigo relacionado: O que fazer em caso de sinistro?

Como última dica, vale a pena considerar a possibilidade de ter aparelhos de ar condicionado portáteis. São menos eficientes que os fixos, mas podem ser uma boa solução para os ambientes muito quentes. Além disso, são mais econômicos e não exigem obras. Existem vários modelos no mercado, a preços bem variados e de todas as potências.

Tem ar-condicionado em casa? Que conselhos você pode dar?

Avalie este post

Sobre o autor

Rodrigo

Rodrigo

Tradutor, professor de idiomas e redator do portal de notícias Aqui Catalunha, o primeiro em língua portuguesa exclusivamente dedicado à Catalunha.

Deixe um comentário